Top 4 melhores frigoríficos para vinhos

Inquestionavelmente, a temperatura à qual os vinhos são servidos influencia a sua palatabilidade. Tire o máximo partido dos seus vinhos controlando a temperatura de consumo com um dos melhores frigoríficos para vinhos que recomendamos neste artigo.

O que são frigoríficos para vinhos?

Como o próprio nome indica, estes pequenos eletrodomésticos são, efetivamente, frigoríficos. No entanto, não são frigoríficos convencionais: foram concebidos para vinhos. São também chamados de «refrigeradores de vinhos», «garrafeiras de vinhos» ou ainda de «caves de vinhos». Permitem regular a temperatura dentro de uma faixa que não é possível atingir num frigorífico normal.

As nossas recomendações

Segue-se uma lista com as nossas recomendações dos melhores frigoríficos para vinhos. Apresentamos-lhe aqui modelos com um certo grau de variabilidade (número de garrafas que cabem no interior, número de compartimentos com temperaturas diferentes); todos eles têm muito boa aceitação por parte dos utilizadores e são eficazes naquilo que prometem fazer: maximizar a palatabilidade dos vinhos através do controlo da temperatura ideal.

Orbegozo VT 2410

 out of stock
Amazon.es
as of 5 de Março de 2024 0:45 Europe/Lisbon
  • Ideal para quem quer ter uma ampla gama de garrafas para escolher na hora da refeição: permite incluir 24 garrafas.
  • Duas zonas distintas, onde é possível programar diferentes temperaturas.
  • Consumo de 130 W.
  • Silencioso.
  • Luzes LED.

Cavevinum CV-18D

 out of stock
Amazon.es
as of 5 de Março de 2024 0:45 Europe/Lisbon
  • Capacidade acima da média: 18 garrafas.
  • Silencioso.
  • Luzes LED.
  • Especificamente concebido para vinhos tintos: temperatura regulável entre 12 e 18 graus.

Taurus PTWC-18

 out of stock
Amazon.es
as of 5 de Março de 2024 0:45 Europe/Lisbon
  • Boa capacidade: 18 garrafas.
  • Porta de vidro fumado.
  • Temperatura regulável entre 8 e 18 graus.
  • Muito silencioso.
  • Iluminação interior.

Orbegozo VT 1210

 out of stock
Amazon.es
as of 5 de Março de 2024 0:45 Europe/Lisbon
  • Capacidade mais reduzida que os outros modelos recomendados: 12 garrafas. Ideal para quem escolhe antecipadamente as garrafas a colocar no frigorífico.
  • Ocupa menos espaço que os restantes modelos mencionados.
  • Campeão de vendas.
  • Classe energética: A.

Mas vale a pena comprar um frigorífico específico para vinho?

Se aprecia vinho, certamente sabe que a resposta a esta pergunta é «sim, vale muito a pena!». Nós também consideramos um desperdício (incluindo de dinheiro) consumir uma garrafa de um bom vinho sem que este esteja à temperatura adequada. Isto é particularmente crítico, por exemplo, para vinhos tintos, alguns brancos encorpados e alguns vinhos do Porto, que têm uma temperatura de consumo recomendada muito acima da temperatura de um frigorífico normal e, a maior parte das vezes, muito abaixo da temperatura ambiente de uma habitação normal que não tenha cave.

É certo que há manobras que se podem fazer para tentar acertar na temperatura, como por exemplo colocar as garrafas num frigorífico convencional ou em gelo e ir controlando a temperatura com um termómetro de infravermelhos. Embora estes métodos permitam consumir vinho a uma temperatura mais ou menos controlada, demoram tempo e exigem um controlo apertado e contínuo por parte dos consumidores, o que por si só pode dar «preguiça» e fazer com que a experiência de beber um bom vinho não seja desfrutada como deve ser.

Tags:

Deixe um comentário

Comentar